top of page

Ladainha de Nossa Senhora, tradição que atravessa o tempo

Uma das tradições marcantes que ecoam no distrito de Marilândia no mês de maio, é o canto da ladainha em latim, no santuário de Nossa Senhora do Desterro. Para entender como acontece, a equipe do Museu do Desterro visitou Dona Ormandina, organizadora do movimento há 62 anos. Coincidência ou não, essa entrada foi contemporânea a decisão da igreja que mandou que a missa deixasse de ser celebrada em latim.


"Não, eu celebro a missa em português!", foi uma fala recorrente ao longo desses anos. Certa vez, foi acompanhada, inclusive, da sugestão de cantar a ladainha em português, ideia que foi rejeitada.


Manifestadora e vivente da fé em Nossa Senhora, reiterou por algumas vezes durante a conversa que faz esse trabalho de muito bom grado. Além do canto diário, também é a responsável por convidar os festeiros para as missas que acontecem aos finais de semana.


Ladainha de Nossa Senhora

Parte 1


Kirie, eleison

Christe, eleison

Kirie, eleison

Chiste exaudi nós.


Peter de deeles, Deus,

Miserere nobis.


Spistus (?) Sancte, Deus


Sancta Maria

Sancta Dei Genitrix,

Sancta Virgo Viginum


Mater castíssima,

Mater inviolata, Mater

Intermerata,


Mater creatores, Mater Salvatoris

Virgo Prudentíssima


Virgo Clements, Virgo fidelis,

Speculum justicie


Vas hanarabile, vas inigne

Dereotionis Rosa Mística


Federis arca, janua celi,

Stela Matutina


Auxilum Christianorum

Regina Angelorum,

Regina patriarcharum


Regina confessorum

Regina Virginum,

Regina Sanctorum


Agnus Dei, qui tollis

Pecata mund, parce

Nobis Dominé


Agnus Dei, qui tollis

Pecata mundi

Miserere nobis


Parte 2 (resposta)


Kirie, eleison

Chiste, eleison

Kirie, eleison

Chiste exaudi nós


Fili Redenptor munde, Deus,

Sancta Trinitas, unus Deus


Mater Christe, Mater Divino

Gratie, Mater Puríssima.


Mater amabilis, Mater

Admirabilis, Mater bomi consolii


Vigo vener anda

Virgo predicanda

Virgo potens


Sedes sapiente

Causa nostre laetitie

Vas spirituale


Turris Davidica, Turris ebúrnea,

Domus aurea


Salus informorum, refugium pacatorum

Consolatrix aflictorum


Regina protephetarum, Regina apostolorum,

Regina martirium


Regina sine labe originali comcepta

Regina sacratissimi Rosarii

Regina pacis


Agnus Dei, qui tollis pecata mundi,

Exaudi nos Dominé.

31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

MEU OLHAR SOBRE MARILÂNDIA

Por Rafael Giórni Santos As margens da importante rodovia federal BR-494, encontramos o distrito de Marilândia, que está localizado geograficamente na latitude de 20° 21’ 45’’ S e na longitudes de 44°

Queima do Judas, entre o Santo e o Profano

A Semana Santa é uma época envolta de muitos mistérios e crenças. De Ramos à Pascoa, o mística da fé católica acontece, misturada com tradições que foram incorporadas ao longo dos anos, em Marilândia.

Post: Blog2_Post
bottom of page